Pharmakon - Farmácia de Manipulação e Homeopatia Maringá

    
    

    
    
    

    
    
    

    

    
    
    
    

    
    
    

    


    
    
    


    
    
    


    
    
    

    


    
    




Bom dia! Seja bem-vindo
DICAS E NOVIDADES
5 Trocas de Alimentos para Melhorar o Metabolismo

Quer ver o ritmo do seu metabolismo em equilíbrio? Confira como seu prato pode deixá-lo em plena forma!

Seja qual for a meta (emagrecer, manter ou ganhar massa muscular), o termo já faz parte do seu repertório: metabolismo. Responsável pelo balanço energético, ele é o maior injustiçado na hora de explicar porque não alcançamos um ou outro objetivo na dieta e nos exercícios. Afinal, seu ritmo não depende exclusivamente de gênero, idade ou genética. Podemos conquistar o bom metabolismo a partir de estímulos gerados por nossos hábitos!

Para compreender melhor como funcionam essas reações, é preciso separá-las em dois momentos: anabolismo e catabolismo. Enquanto o anabolismo tem o papel de armazenar fontes de energia, o catabolismo é a fase em que se quebra moléculas para obter o pique em horas de necessidade. Os dois processos atuam em sincronia e formam o que chamamos de metabolismo.

Ou seja, é diante da oferta de nutrientes que o corpo ajusta seu comportamento para mais e menos anabólico ou catabólico. Isso torna a alimentação a chave para obter o melhor do metabolismo! Por isso, trouxemos uma lista do que maneirar e no que investir para ativar a queima saudável de calorias:

Suco de caixinha por suco natural

Cheios de açúcar e sódio, as versões em caixinha têm tudo para deixar os gramados para o suco natural entrar em campo. Além de oferecer 100% de fruta, sem diminuir as vitaminas e minerais entre componentes químicos, vamos contar com uma dose a mais de fibras para trazer sensação de saciedade e levar as gordurinhas embora. No metabolismo, essas fibras vão manter o metabolismo funcionando melhor e por mais tempo!

Massas refinadas por integrais

Mais uma vez saem de cena os açúcares e entram as fibras. Elas regulam os picos de glicose no sangue e requerem mais energia para digestão, ativando o fluxo metabólico.

Gelatina por colágeno hidrolisado

A gelatina teria tudo para ser uma sobremesa rica e saudável, não fosse a quantidade de açúcar. Por isso, a troca por sobremesas preparadas com colágeno hidrolisado vai tirar esse atrasador metabólico da jogada e dar lugar a proteínas de alto valor biológico.

Gorduras saturadas por insaturadas

Que tal reservar ocasiões especiais para a carne vermelha? Apostar no consumo de peixe, por outro lado, não fica devendo na quantidade de proteínas e traz ainda o ômega 3. Essa gordura saudável reduz a produção de leptina, um hormônio que reduz o metabolismo. O mesmo vale para outras fontes desse nutriente, como semente de linhaça e de chia!

Banquetes por refeições moderadas

O truque aqui não está nos ingredientes em si, mas no hábito da refeição. Já ouviu falar que é preciso comer de 3 em 3 horas? O motivo é que dar partida no motor do metabolismo com essa frequência faz com que ele interprete que pode continuar sempre assim, em plena atividade, sem precisar pegar no tranco. Vale lembrar também das atividades físicas: elas melhoram a circulação, aumentam a demanda de energia e consequentemente o ritmo metabólico.

Por Sabrina Raffa (SanaVita)

Mais dicas e novidades

(44) 3026-2016

(44) 3224-3838

(44) 9766-2565

 

Rua Neo Alves Martins, 3177

Centro - Maringá / PR

CEP: 87013-060